Modelo de Avaliação de Maturidade de Startups

Somos avaliados constantemente, na escola, nas empresas em que trabalhamos, enfim somos avaliados sempre.

Para os empreendedores de startups não é diferente, os ambientes de inovação possuem gestores que avaliam o desempenho da startups e dos empreendedores, porém, em alguns casos, sem muito critério ou processo, utilizam a métrica de faturamento apenas.

Temos identificado que o empreendedor precisa fazer atividades pertencentes ao seu nível de maturidade, ou seja, se o empreendedor iniciou a um mês no ambiente de inovação o gestor não pode colocar ele para fazer as mesmas atividades de quem está a 12 meses na frente dele.

Modelo de Avaliação de Maturidade de Startups
A cada programa concluído o empreendedor terá novas atividades a serem realizadas dentro do próximo programa.

Para isso é importante o gestor ter um modelo capaz de avaliar se as atividades que o empreendedor está fazendo estão de acordo com o seu nível de maturidade, acompanhar o seu desempenho e receber a comprovação das atividades realizadas.

Para identificar o nível de maturidade, o modelo propõe para o gestor a criação de programas denominados: Hotel de Projetos, Pré-Residência e Residência. No programa Hotel de Projetos há 68 atividades a serem realizadas, no programa Pré-Residência tem 75 atividades e no programa Residência há 34 atividades. 

Os programas possuem atividades consideradas apropriadas para cada programa, todos os programas possuem o prazo de até dois anos para conclusão de todas as atividades, as atividades devem ter data inicial e data final para a entrega.

O gestor acompanha o empreendedor em todas as tarefas identificando as ações realizadas para cumprimir a tarefa, quando finalizada a tarefa o empreendedor registra e documenta suas ações para enviar ao gestor.

Desta maneira entendemos que o gestor do ambiente de inovação possa acompanhar de perto a evolução das startups.